Antigas moedas atraem interesse devido à diversidade de variantes peculiares

Entre os critérios a serem considerados ao determinar a raridade de uma moeda, as variantes são destacadas. Elas representam características específicas de exemplares em circulação, diferenciando-os da maioria das outras moedas.

Neste artigo, concentramo-nos em uma moeda que apresenta numerosas variantes, o que pode resultar em valores diversos, dependendo do exemplar encontrado. Trata-se da moeda de 1 cruzeiro do ano de 1946.

Embora não tenha mais valor monetário e não possa ser utilizada para transações comerciais, ainda é possível encontrar exemplares em circulação. De acordo com dados oficiais, mais de 49 milhões dessas moedas foram produzidas, um número considerável para o contexto monetário da época.

Características da moeda:

  • Plano Monetário: Padrão Cruzeiro 1ª Edição (1942-1967);
  • Período: República;
  • Casa da Moeda: Rio de Janeiro;
  • Diâmetro: 23mm;
  • Peso: 7g;
  • Metal: Bronze-Alumínio;
  • Borda: Serrilhada;
  • Reverso: Moeda;
  • Moeda Desmonetizada;
  • Desenho do Anverso: Mapa do Brasil ao centro tendo, à esquerda, a palavra Brasil sobreposta a duas linhas horizontais e paralelas. À esquerda, entre a segunda linha paralela e o mapa, o monograma das letras WT do gravador Walter Toledo;
  • Desenho do Reverso: No centro, o valor de face ao lado de dois ramos de louro e a constelação do Cruzeiro do Sul. No exergo, o monograma BR do gravador Benedito Ribeiro e a estrela Alfa da constelação do Cruzeiro do Sul. No campo à esquerda, a data.

Valor:

Em condições normais, ou seja, sem qualquer variante, essa moeda pode valer consideravelmente, dependendo do estado de conservação. Veja o quadro abaixo:

  • MBC: R$ 10,00
  • SOBERBA: R$ 25,00
  • FLOR DE CUNHO: R$ 100,00

Se encontrar uma versão certificada desta moeda, ela pode ser vendida por até R$ 500 em 2024.

Variantes da moeda:

A seguir, apresentamos uma lista completa das variantes desta moeda, cada uma com sua faixa de preço:

  • Moeda de 1 cruzeiro de 1946 com o Reverso Horizontal:
    • MBC: R$ 200,00
    • SOBERBA: R$ 700,00
    • FLOR DE CUNHO: R$ 1.500,00
  • Moeda de 1 cruzeiro de 1946 com o Disco Fino:
    • MBC: R$ 45,00
    • SOBERBA: R$ 120,00
    • FLOR DE CUNHO: R$ 350,00
  • Moeda de 1 cruzeiro de 1946 com o Reverso Invertido:
    • MBC: R$ 240,00
    • SOBERBA: R$ 900,00
    • FLOR DE CUNHO: R$ 1.800,00

O que é uma moeda com reverso invertido?

Uma moeda com reverso invertido é aquela cujo alinhamento do reverso é contrário ao padrão adotado no Brasil (eixo horizontal). Essas moedas são consideradas extremamente raras.

Para identificar essa peculiaridade, basta segurar a moeda com a face voltada para você e girá-la de baixo para cima. Se o outro lado estiver de cabeça para baixo, trata-se de uma moeda com reverso invertido.

Essas moedas podem valer mais devido à sua raridade, embora seja difícil definir seu valor comercial, pois foram produzidas como erros durante o processo de cunhagem e não há registros precisos da quantidade em circulação, conforme explica o especialista Plínio Pierry.

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.